Máquina do Tempo

Os Presidentes: #19 Rutherford B. Hayes
4/10/1822 – 17/1/1893

Cinco ferimentos em combate tornaram-no um herói, mas chegou à Presidência numa eleição das mais disputadas de sempre. A sua maior virtude terá sido a seriedade no cargo

PRESIDENTE ENTRE 4 DE MARÇO DE 1877 E 4 DE MARÇO DE 1881

 

7 FACTOS ESSENCIAIS

Rutherford Hayes Jr. levou a família do Vermont para o Ohio em 1817 e havia de morrer dez semanas antes de Rutherford nascer. Sophia Birchard ficou com dois filhos – ele e uma rapariga, Fanny – e nunca mais casou. (Outras duas crianças tinham morrido entretanto.) Rutherford formou-se em Direito e com 28 anos abriu um escritório em Cincinatti.

Tornou-se notado como defensor de acusados de assassínios e em simultâneo foi construindo uma carreira política, sendo eleito pelos republicanos para procurador municipal, mas a turbulência que antecipou a Guerra Civil devolveu-o à prática exclusiva da advocacia. Quando o conflito chegou, alistou-se como voluntário e recebeu treino militar.

Foi ferido em combate cinco vezes – uma delas com gravidade – e promoções sucessivas elevaram-no em 1864 à patente de major-general, a quarta mais elevada. Foi natural a eleição do herói de guerra para o Congresso logo em 1865, como representante pelo Ohio. Ficou até Julho de 1867, para se candidatar a governador do estado. O desfecho foi invulgar: o Partido Republicano de Hayes perdeu a assembleia estadual, mas ele acabou eleito por meros 3 mil votos em quase meio milhão.

Sem procurar a reeleição em 1872, manteve-se afastado da política até que os republicanos o catapultaram como candidato presidencial em 1876. Com acusações de fraude de ambos os lados, o duelo eleitoral com o democrata Samuel Tilden acabou por se inclinar a favor de Hayes ao fim de muitas deliberações bizarras, decisões enviesadas e tensões insuportáveis. Uma comissão do Congresso elegeu-o, por um voto.

A sua primeira grande medida foi devolver ao Sul vencido a capacidade de se governar perdida depois da Guerra Civil. O controlo militar sobre a política sulista terminou. De certa forma, o caminho para a igualdade racial foi interrompido. De resto, lançou modestas reformas do serviço público e das finanças.

Tinha prometido que não se recandidataria e cumpriu. Agradado com a eleição de James Garfield para lhe suceder, retirou-se para a sua casa no Ohio, onde se empenhou em espalhar a ideia de que a educação para todos era a melhor forma de eliminar as desigualdades sociais.

A morte da mulher, Lucy, em 1889, devastou-o e a sua actividade pública reduziu-se, mas ainda foi relevante a sua participação na discussão de questões raciais. Um ataque de coração matou,-o em casa, no início do ano de 1893.

 

7 CONHECIMENTOS INÚTEIS

Como o dia de tomada de posse calhava a um domingo, Hayes tornou-se o primeiro Presidente a prestar juramento na Casa Branca na véspera, sábado 3 de Março. Foi uma cerimónia secreta, que inviabilizou possíveis protestos por causa da sua controversa eleição. O juramento público só foi feito dois dias depois.

Chamado a resolver uma disputa territorial entre a Argentina e o Paraguai, Hayes resolveu a favor deste – e isso deu ao país 60 por cento do seu actual território. É por isso que no Paraguai há uma província chamada Hayes.

As suas últimas palavras foram:  “Sei que vou para onde Lucy está”.

A mulher é que ficou conhecida como Lemonade Lucy, mas foi Hayes que decretou a proibição total de bebidas alcoólicas na Casa Branca. Houve excepções: por exemplo, foi servido vinho durante a visita dos filhos adultos do czar Alexandre da Rússia; mas Hayes e a primeira Dama não beberam. Também não se podia fumar nem jogar cartas.

O primeiro gato siamês a chegar à América foi entregue por ordem do cônsul norte-americano na Tailândia. Foi um presente para a Primeira Dama, que lhe chamou Siam.

Foi na sua presidência que começou a tradição dos ovos da Páscoa escondidos em recantos do relvado da Casa Branca.

Foi o primeiro Presidente em funções a visitar a Costa Oeste: esteve em São Francisco em 8 de Setembro de 1880.